Eleições 2018

Eleições 2018 – Segundo a atual Constituição Brasileira – vigente desde 1988, os cargos políticos são temporários, de modo que a população possa escolher, de 04 em 04 anos, entre eleger novos representantes ou manter, em certas circunstâncias, os políticos atuais.

Assim sendo, é natural que as eleições sejam bastante aguardadas, sobretudo àquelas que são responsáveis por definir o político que ocupará o principal cargo do país, o de Presidente da República.

Eleições 2018
Eleições 2018

Como a próximas votações, que acontecerão ainda neste ano, devem definir justamente o novo ocupante da presidência, decidimos sanar as dúvidas mais recorrentes sobre esse tema, detalhando-o. Então, acompanhe a gente para saber mais!


Eleições 2018

A administração política do Brasil é formada por três poderes, o Executivo, o Legislativo e o Judiciário. Desses âmbitos, apenas o último não possui cargos eletivos; os outros dois, portanto, são definidos por meio de pleitos populares, os quais acontecem de dois em dois anos, para funções distintas.

Como na última eleição foram escolhidos os prefeitos, os vice-prefeitos e os vereadores que deverão atuar até 2020, neste ano serão eleitos o presidente, o vice-presidente, os senadores, os deputados federais, os deputados estaduais e os governadores, que irão intervir até o ano de 2022.


Cargos Eleições 2018

Cada função política possui um propósito diferente, que tem o intuito de contribuir para uma melhor administração do país e, por conseguinte, para o oferecimento de melhores conjunturas aos brasileiros.

Veja, a seguir, o que compete aos cargos que serão escolhidos neste ano.

  • Presidente da República:

O Presidente da República representa o dirigente do Poder Executivo e do Estado. Desse modo, a ele cabem graves funções, como a de barrar projetos e a de sancionar e publicar leis. Ademais, compete ao presidente ações como a de nomear políticos para certos cargos do Poder Judiciário, a de comandar as Forças Armadas, a de decretar guerra, entre outras.

* O número para votar para Presidente possui dois dígitos.

  • Vice-presidente:

Ao vice-presidente, por sua vez, cabe à tarefa de assumir as incumbências do presidente durante viagens e à obrigação de substituir o mesmo em caso de falecimento, renúncia ou impeachment.

  • Senador:

Os senadores são os encarregados de representar o Distrito Federal e os Estados. Eles têm, portanto, a autoridade necessária para elaborar leis e para supervisionar e processar, caso necessário, o presidente, o vice, os ministros e os líderes das Forças Armadas.

* O número para votar para Senador possui três dígitos.

  • Governador:

Os governadores são os incumbidos de efetivar, a âmbito estadual, o Poder Executivo. Dessa forma, cada político dessa classe deve de se responsabilizar pelas determinações relativas aos setores administrativos, políticos e jurídicos do estado.

* O número para votar para Governador possui dois dígitos.

  • Deputado Federal:

Os deputados federais são os responsáveis por simbolizar a população no viés federal. Assim sendo, eles têm o encargo de projetar leis e resoluções de alcance nacional, além de terem o dever de supervisionar o Poder Executivo.

* O número para votar para Deputado Federal possui quatro dígitos.

  • Deputado Estadual:

Os deputados estaduais, por outro lado, são os encarregados de retratar a população no viés estadual, tendo a tarefa, portanto, de promover emendas e leis para o bem de seu estado.

* O número para votar para Deputado Estadual possui cinco dígitos.


Como Votar em Branco

Caso o eleitor não queira manifestar a sua opção de voto, ele pode escolher votar em branco. Anteriormente, quando alguém votava em branco, esse voto era computado para o candidato que estava a frente na votação. Mas, com a aprovação de uma nova lei, isso não acontece mais.

Sendo assim, quem vota em branco, apenas não vota em um candidato que não gostaria. Para votar em branco é muito simples, você deve ir até o seu local de votação e na urna ao invés de digitar o número de algum partido, você aperta no botão BRANCO. Em seguida, aperte no botão verde CONFIRMA.

Como Votar em Branco
Como Votar em Branco

Dessa forma, o seu voto não será computado para nenhum candidato ou partido.

 


Como Votar Nulo

Quando um eleitor vota nulo, significa que o mesmo está insatisfeito com os candidatos aos cargos. Para votar nula basta apenas votar em um número que não corresponda a nenhum candidato ou partido político. Dessa forma, o seu voto será computado como “número errado”.

Lembramos que o voto nulo não invalida a eleição e quanto mais votos nulos tiver, maior serão as chances de o candidato mais votado chegar a vitória.

Caso você não tenha nenhum candidato preferido, pode escolher uma das opções acima, no entanto, não deixe de votar e de justificar o seu voto, pois assim, você terá que pagar uma multa.

Além disso, você não terá direito de receber a Certidão de Quitação Eleitoral, documento esse que é necessário para estar em dia com a Justiça Eleitoral, para emitir passaporte e para diversos outros procedimentos.


Datas das Eleições 2018

De acordo com o calendário que foi divulgado, a data das eleições 2018 para o primeiro turno das eleições de 2018 acontecerá em 07 de outubro. Já o segundo, caso haja, deve ocorrer três semanas depois, no dia 28 outubro.

Data das Eleições 2018
Data das Eleições 2018

 

Segundo Turno Eleições 2018 – Como Funciona?

É bastante comum que as eleições brasileiras sejam compostas por dois turnos.

No primeiro, todos os candidatos que tenham sido aprovados pelo TSE (Tribunal Superior Eleitoral) estão suscetíveis à nomeação, bastando, para isso, que recebam 50% dos votos mais 01.

Segundo Turno eleições 2018
Segundo Turno eleições 2018

Caso essa estatística não seja alcançada por nenhum concorrente de determinado cargo, é realizada uma segunda votação, a qual é disputada pelos dois políticos mais votados na primeira. Vence, então, o que receber mais votos.

Segundo lei, o segundo turno só ocorrerá na escolha de prefeitos e vice-prefeitos – quando o município possuir mais de 200 mil eleitores, governadores e vice-governadores e presidente e vice-presidente.


 

Pesquisas Eleitorais Presidente 2018

As pesquisas eleitorais são apurações que demonstram quais são os candidatos mais populares entre a população, além de expressarem o que leva os indivíduos a quererem votar em determinado político. Essas especulações são realizadas, em geral, por instituições especializadas, tais como o Datafolha e o Ibope – as duas principais empresas de pesquisa do país.

Segundo as últimas apurações efetuadas pelas mesmas, o candidato mais votado em 2018, com 23-32% das intenções de voto, seria o Lula. Seguindo o petista, viria o deputado Jair Bolsonaro, com 15-19% dos votos. Em terceira posição, ficaria o ex-governador Geraldo Alckmin, com 15%.


Candidatos a Presidente 2018

Como é de se esperar, as eleições de 2018 estão tendo o seu foco nos possíveis candidatos à presidência, mesmo que estes só sejam definidos, de fato, em agosto.

Dentre os políticos mais cotados para o cargo, os principais são:

Luiz Inácio Lula da Silva (Lula)

O Lula, como citado anteriormente, é o pré-candidato mais popular entre os brasileiros. Sendo afiliado ao PT (Partido dos Trabalhadores), o político já comandou o país por 08 anos, de 2002 a 2010.

No entanto, apesar de ser bastante notório, o ex-presidente pode ter a sua candidatura negada, já que foi condenado a 12 anos de prisão, em segunda instância.

Jair Bolsonaro

O Jair Bolsonaro, que representa o PSC (Partido Social Cristão), é o segundo concorrente mais cotado pela população. Contudo, o político, que é deputado federal desde 1991, também apresenta um grande índice de reprovação, o que se deve, em grande parte, às suas ideologias conservadoras e radicais.

Geraldo Alckmin

Geraldo Alckmin, que é o candidato à frente do PSDB (Partido da Social Democracia Brasileira), já foi governador do Estado de São Paulo por 04 vezes. Embora tenha sido denunciado por delatores da Odebrecht, o tucano é o terceiro político mais popular entre os aspirantes.

Marina Silva

Marina Silva, representante da Rede Sustentabilidade, é a quarta concorrente mais notória. Tendo disputado por 03 vezes ao cargo de presidente, a política já foi vereadora, deputada estadual e senadora pelo seu estado, o Acre.

Ciro Gomes

Ciro Gomes, que concorreu à presidência durante as últimas três eleições, é o político diante do PDT (Partido Democrático Trabalhista), sendo o quinto pré-candidato mais apreciado. Ele já foi governador e deputado estadual do Ceará, além de prefeito de Fortaleza e ministro da Fazenda e da Integração Nacional.


Apuração Eleições 2018

A apuração dos votos é iniciada imediatamente após o encerramento das votações, o que acontece às 17h. Isso se dá a partir do seguinte processo: as informações contidas nas sessões eleitorais são encaminhadas ao TRE (Tribunal Regional Eleitoral) de cada área, de onde os dados são expedidos para o TSE, que finaliza a contagem e, também, divulga as conclusões oficiais.

A apuração deve ser feita de forma que toda a população possa ter acesso a mesma ao vivo, sendo transparente e evitando qualquer tipo de fralde. Os canais de TV que normalmente transmitem ao vivo a apuração são os seguintes:

  • TV Assembleia;
  • TV Brasil;
  • TV Senado;
  • Globo;
  • Band.

Além da TV, você poderá acompanhar também o resultado através de emissoras de rádio.


Resultado das Eleições 2018

Os resultados das eleições, tanto do primeiro turno quanto do segundo, costumam ser liberados no mesmo dia das votações, à noite. Inclusive, os canais midiáticos, em grande parte, transmitem a apuração dos votos, atualizando os telespectadores e os leitores em tempo real.

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (1 votes, average: 5.00 out of 5)
Loading...

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *